quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Banheiro florido

Dias fechados os últimos por aqui, mas o perfume das laranjeiras do quintal que se espraia casa adentro é animador. A primavera se insinua, doce, provocando vontades adormecidas, devolvendo cores intensas à natureza e, aos humanos, uma aura de esperança, mesmo que velada ou inconsciente. Será Perséfone bailando na sua volta à luz, estendendo a mão a nos convidar para entrar na dança? Sigo outros passos, mas também ritualísticos, afinal, acredito que tudo em que se põe a mão com atenção e intenção tem lá seu pezinho na magia. E a magia nesse final de agosto tem sido a de alegrar também a casa, meio emburrada depois de meses hibernando. Então, uma das providências foi recauchutar o penduricalho de vasinhos do banheiro, trocando a fita e as flores. Seu aspecto desbotado e empoeirado há tempos incomodava, mas gosto por demais dele para passá-lo adiante. Aproveitei o desmonte e a nova montagem para fotografar e mostrar aqui sua "logística".
Usei 4 vasos de cerâmica bem pequenos, mas a ideia pode ser adaptada para modelos um pouco maiores. Cortei um pedaço de fita, dei dois nós na ponta e passei uma conta grande, maior do que o furinho do vaso.
Repeti o nó e a pedrinha, deixando uma boa distância entre um vasinho e outro, cuidando para que o espaço fosse o mesmo.
Colei florzinhas que sequei em casa, como sempre-vivas, lavandas, hortênsias trazidas da serra, até umas miúdas e redondas como pompom que enfeitaram a mesa nesse jantarzinho histórico aqui.
E assim que voltaram ao seu posto ao lado do espelho, vejam só quem veio lhes fazer companhia?
A kokeshi-pinça, presente fofo da amiga Jane, que com jeitinho de deusa sapeca contribui junto com o móbile repaginado para renovar o astral da peça (e o da sua dona, bonequeira por natureza, também).
Uma sexta-feira aquecida de belos projetos para o fim de semana a todos!

15 comentários:

Nárriman disse...

Rosana, amei a ideia e acho que o meu banheiro vai ganhar um móbile igual, isso é, se a autora da obra permitir, não é mesmo? rssss
Bjs e um ótimo final de semana!!!

Rosana Sperotto disse...

Nárriman, trocamos visitas simultâneas, que legal! Não esquece de mostrar o móbile gêmeo (rs)! Beijos, querida!

Nárriman disse...

Pois é amiga, muito bom!! pode deixar que te mostro, só não sei se conseguiria desidratar flores.
Olha, a Fernanda Reali viu seu comentário em meu blog e deixou um recado para vc:

"Rosana, para pintar plástico, limpe-os com água e passe vinagre, deixe secar bem. Aplique uma camada de primer para pet com pincel e deixe secar muuuuito bem. Depois pinte normalmente e aplique verniz aerosol para não descascar".

* Espero que lhe seja útil!
Bjs

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Vc conta coisas do cotidiano (que são tão bonitas) e dá um ar poético.
Adorei a citação de Perséfone, a primavera com toques ritualísticos, magia. Isso me encanta, de verdade.
Isso é coisa de alma que sabe extrair a poesia do dia-a-dia, alma que tem prazer no processo de viver. Que aplaude o grande espetáculo. E também o espetáculo de um viver cotidiano.
Isso é sabedoria.

A decoração ficou excelente.
Tudo muito bonito. Tem até Kokeshi!

Bom dia minha amiga com alma poética.

Eliene Vila Nova disse...

Amiga me emocionei tantocom suas palavras no blog Lost in Japan,obrigada obrigada obrigada.
Você é mais que especial e mora no meu coração.
E nossa a postagem anterior é sobre pão a minha paixão,rsrs
Lindo arranjo.
Beijos
beijos
beijos

Cintia Branco disse...

Rosana,

que bonito e que idéia diferente. Adorei!
Beijos

Taia Assunção disse...

Rosana, aqui as poucas flores que existem secaram há tempos...a estação da seca prossegue até final de outubro, judia muito de homens, bichos e plantas...nada que também não aconteça aí no Brasil. Para dar um cheirinho na casinha trouxe uma essência de frangipani da África do Sul. Mas sinto falta das flores...aqui é um descampado horroroso e no momento está havendo contenção d'água para molhar as poucas plantas que resistem a essa seca. Portanto, tô murcha...enquanto isso no Brasil minhas orquídeas e roseira estão lindas e o jardim da casinha da praia em dia. Isso me deixa menos chateada. Ficou lindo seu móbile, beijocas!

c r i s disse...

Rosana, se já não bastasse o lindo arranjo com vasinhos...adorei saber mais sobre Proserpina, pois postei sobre ela, quando falei de Bernini, o escultor...valeu demais!!! Bjo!!

Rosana Sperotto disse...

Nárriman, facilite as coisas comprando as flores já desidratadas. Eu é que gosto de aproveitar as que secam naturalmente. A Fernanda é um amor, sempre colaborando com um e com outro. Vou lá no blog dela agradecer. Beijo!

Alexandre, cada vez me convenço mais de que reconhecer a grandeza do cotidiano é receita pra gente viver com mais intensidade, né? Muito me alegra ter amigos que "sacam" essa receita. Obrigada! Beijo

Eliene, querida, vê só como essa ciranda de amigos vai nos levando e trazendo uns aos outros. Isso me parece mágico. Beijos doces daqui!

Cíntia, esqueci de mencionar que, para quem gosta, os vasinhos podem ser recheados com flores artificiais. Beijão!

Taia, sou tão suscetível à natureza, imagino que "murcharia" também num habitat como o que está aí. Mas a gente sempre acha um jeitinho para se revitalizar, né? Teu jardim brasileiro cumpre bem essa função. Não conheço franguipani, é uma flor? Beijos perfumados!

Cris, tive que me socorrer no Google para ficar sabendo que Proserpina é a outra identidade de Perséfone. Blog também é cultura (rsrs)! Então, valeu demais pra mim também! Beijoca

Taia Assunção disse...

Certamente você conhece frangipani: http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Pink_Frangipani.JPG dá uma olhada na imagem. Dá para adaptar-se, mas tem que querer Rosana. Tem hora que a vontade é sair correndo. Beijocas!

Ana Maria ( Jeito de Casa ) disse...

Oi Rosana

Que móbile diferente e fofo!!!
Sobre a minha postagem da pousada, fiquei encantada...
Estava procurando informações sobre os hoteis fazenda aqui de c e m julho, o preço estva caríssimo e vi que no RS. os preços ão melhores e tem muito mais atrações.
ja estive em Gramado 3 vezes e nunca sobrou tempo pra ir a Bento, quero fazer um passeio de maria fumaça, nunca andei de trem... quem sabe uma hora dá certo!!!

bjus e um ótimo findi

Rosana Sperotto disse...

Taia, admiro tua coragem e equilíbrio. Beijos!

Ana, esta é uma época de preços melhores ainda, baixa temporada. O Vale dos Vinhedos tem uma beleza muito diferente da região de Gramado. Indo lá, não deixa de conhecer também o Caminho de Pedras, bem pertinho do Vale. E o passeio de maria fumaça já fiz, também nunca havia andado de trem. Beijos

Carina disse...

Rosana, esse post vem ao encontro do que desejo fazer no meu banheiro! Tb quero florí-lo!
bjokas e boa semana!

Fabiano Mayrink disse...

quer coisa melhor que banheiro florido! ficou lindo ;)

claudia disse...

Rosana: Bom dia. Descobri seu blog procurando idéias para minha festa de casamento e simplesmente adorei tua criatividade. Posso usa-la na festa? Abração