segunda-feira, 18 de julho de 2011

Uma fadinha grávida

Parece que está virando moda anunciar presentinhos primeiro aqui e esperar a reação do presenteado, rezando para que ele dê uma passadinha pelo Amém e seja surpreendido. Quando isso não acontece espontaneamente, não resisto e deixo um recadinho no e-mail, do tipo: "Tem uma surpresinha pra ti lá no blog"!, como fiz com a Jane. É legal ver que logo, logo a visita bate à porta e dá retorno, faceirinha.
Parece também que nos últimos tempos, esses gelados, chuvosos e de rotina alterada pela atenção à minha mãe, a síndrome de caracol vem fazendo casa em mim. Encolhida na rotina, estar com as pessoas queridas virou artigo de luxo, e tem me feito muita falta a companhia delas. Até mesmo os aniversários, sagrados na minha agenda, nesse semestre muitos ficaram sem o abraço ao vivo. Assim foi com a Tina, sobrinha que é vizinha de muro, e que mesmo com a proximidade, acreditem, recebeu os parabéns por torpedo. Questiono se essas facilidades atuais não estão também a serviço do distanciamento, quando tanto aplaudimos as distâncias encurtadas que elas nos oferecem. Com certeza, há algumas poucas décadas, sem os recursos virtuais de hoje, nem o frio, nem a chuva, nem o cansaço justificariam deixar de abraçar uma pessoinha especial. Mas, saudosismo não parece muito produtivo...

O post então é outra ferramenta moderna para tentar me redimir pela dupla falta com a mãe do Murilo. Dupla porque também ainda não a apertei contra o peito para dizer-lhe da alegria de vê-la grávida pela segunda vez para nos presentear com mais um(a?) sobrinho(a?)-neto(a?).

Para tocar a alma daquela menininha que circulava livre pelo nosso pátio numa época em que não nos preocupávamos com muros e portões (ô saudismo que não larga do meu pé), fiz uma fadinha. Delicadamente exibida como só as grávidas conseguem ser, abraça a barriguinha.



Cabelos fartos, presos, e asinhas de folhas de roseira.
Que ela fique como lembrança desses meses de espera pela reedição do maior milagre da vida. Que ela abençoe o novo amor dessa querida familinha. Amém!

14 comentários:

Cynthia Le Bourlegat disse...

Que docura a fadinha gravida! Tb ando bem caramoju aqui na casa da mae, to folgada na verdade, aqui tem quintal pra criançada, que paz rs! beijo querida

msgteresa disse...

Querida Rosana!
É sempre tão bom chegar até aqui, nesse teu cantinho de sonhos, e te encontrar assim, menina "arteira" e "fada da criatividade", dando formas às palavras que vêm do teu coração. E essa "fadinha grávida",tão graciosa e repleta de amor,vem suavemente nos encantar os olhos... Ela é tão meiga e preciosa,Rosana! Parabéns à nova mamãe e sobrinha tão querida, e à você,tia amada e virtuosa também!
Estive um pouco ausente dos computadores nestes dias, por conta dos aniversários da semana anterior daqui, filho maior (já completou 15 anos no dia 11/07 !) e do marido ( 15/07). Não fizemos festas dessa vez não, mas as visitas de amigos e parentes queridos, rechearam de afazeres os nossos dias, com direito à plantões na cozinha! (Rs...) Mas celebrar a vida é sempre tão bom !
Domingo à tarde, o clima daqui ficou mais sereno , e sabe que lembrei muito de ti? Fui brincar com o meu menorzinho no quintal e ficamos horas esquecidos, inventando estórias e cenários de sonho... Fiz até um post sobre isto!
Por isso, minha doce amiga, penso que seja como for, o importante é a gente nunca deixar de dar asas à nossa imaginação...E fazer de pequenos momentos um grande sonho!
Que os ventos suaves daqui, levem o meu grande abraço apertado pra ti!
Teresa

arquitetura do imóvel disse...

Olá, amiga.
Estou organizando um sorteio lá no blog...passe por lá e participe!
Bjos.
Sílvia

Tina disse...

Ai,ai,ai...o q falar depois de td que eu li? A vontade q me deu foi de pular o muro correndo e te dar um abraço apertado, mas...não consigo parar de chorar. Isso não se faz com uma grávida com os sentimentos a flor da pele...hehehe...Te amo demais, vc é muito especial pra todos nós. Muito obrigada pelo post, pelo carinho, pelo exemplo, por vc existir em nossas vidas. Qdo me recuperar da surpresa, vou te dar o abraço, pois sei que vou desandar a chorar de novo. Beijocas, adorei!!!

Beth disse...

Rosana!
Várias vezes visitei seu blog, sem comentar. Mas, a fadinha e o texto são pura emoção. Quando tiver um tempinho tentarei fazer algo semelhante para presentear-me e pendurar no jardim ou quintal.
Abraço, Beth.

Bela disse...

Que delícia ler seus textos, adoro! Adorei o final mais que tudo. "Reedição", adorei isto!!
Fada linda e cheinha de vibrações boas. Grávidas precisam disso tbém. Rosana, querida, o que seria de nós duas sem a tecnologia?
Nada.
rsrsrs...
Gosto muito de vir aqui.
Beijos mil!!!
Bela

Ivani disse...

Lindas palavras, linda fadinha.
Rosana, você emociona a gente com esse seu modo de colocar seus sentimentos.
Sei lá, é uma maneira diferente.
Parece que a gente está conversando em volta de um bule de café.
Tão bom...
Se eu estivesse grávida (rsrsrs) adoraria receber essa fada.
Sua sobrinha vai curtir muito, eu sei. Mesmo porque as grávidas adoram ser paparicadas, e ela não deve fugir à regra.
Parabéns querida, beijos e tenha uma ótima noite.

c r i s disse...

Aiiiiii Rosana, que delicadeza essa fadinha, adorei quando vc colocou as folhas da roseira! Estes presentinhos cheios de significados tocam e ficam, né? Amava quando estava grávida, tudo é especial neste período, depois tudo vai ficando mais e mais, até a gente se acostumar com o que é especial, bom lembrar da importância disso...bjo querida!!

Solange Fernandes disse...

Quando passo por aqui sempre tem novidades lindas. Adorei a fada grávida.E me encantei com a almofada fofa do post anterior.
Feliz dia do amigo !!!
Beijos

Adriana disse...

Que fadinha mais charmosa!!! A sua vizinha deve ter aumentado os batimentos qdo leu tanta doçura!!!

Beijosssssssss

Regina disse...

Ah, Rosana, que fadinha mais linda, e ainda por cima grávida, rsrsrs. Amei os cabelinhos dela.

Marina Mott disse...

Que coisa mais linda e delicada! Um encanto, mesmo! Sigo torcendo por vocês! Um beijo!

Fernanda Reali disse...

Ai, que lindaaaa! Amei a fadinha.
beijoooo

Mirian E. disse...

Olá Rosana, gostei de ter achado seu blog, adorei o texto e me apaixonei pela fadinha grávida. Parabéns por tudo. Bj