quinta-feira, 8 de julho de 2010

Uma noite de princesas (efêmeras?)

Princesa Efêmera da China
Faz parte de uma dinastia em que se é princesa somente por um dia.
Princesa muito bonita, graciosa como uma libélula, leve como o ar.
A vida de Efêmera dura apenas algumas horas:
de manhã ela acorda em seu casulo, depois cresce bem depressa até voar com as próprias asas. Podemos observá-la no jardim, aspirando o perfume das flores, usando vestidos magníficos. Ela rodopia sob o sol brilhante, ouvindo os gracejos dos príncipes que lhe fazem a corte, vestidos de pesadas armaduras.
Então anoitece, seu reinado se acaba e, com um bater de asas, ela desaparece na noite iluminada de vaga-lumes.
Incorporando a história do deslumbrante livro "Princesas Esquecidas ou Desconhecidas", de Philippe Lechermeier e Rebecca Dautremer, Editora Salamandra, vamos dar seguimento a ela estendendo pela noite a vida da personagem na pele de três princesas de carne, osso e mente fértil de imaginação. Assim nos sentimos, Laély, Jane e eu, no jantar de despedida da serra, em junho, como a amiga visitante mostra no seu post de hoje. Quer entrar no nosso conto de fadas? Vista sua alma de encantamento, vá até lá, na sala da princesa lá, veja os primeiros capítulos, e volte aqui amanhã, para os desdobramentos, combinado? Bons deslumbramentos!

5 comentários:

Lu Pietra disse...

Oi...Ro...voces são demais....beijos..

Susi disse...

Rosana querida, obrigada pela presença na festinha dos 1000,voce foi a segunda a chegar,mas no coração ocupa sempre a primeira fila.
beijo e um bom final de semana.

Taia Assunção disse...

Tem email pra você. Beijocas!

Laély disse...

Tô aqui, esperando pela história, quando descubro que sou eu, a contadora?!...
Obrigada pela consideração, mas hoje eu tô mais pra "gata borralheira"...

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

A historia parece ser muito bonita e interessante. E o encontro de vcs foi muito legal né? vou visitar o link q eu sei q tem coisa boa lá.
bjs e bom fim de semana